Temos Poetisa!

Hoje poupo quem se digna a vir aqui ler esta insanidade de blog de polémicas e debates. Hoje proponho apenas reflexão e remeto-vos para a leitura atenta de um outro blog.


O poema que se segue é da autoria da Mariana Conceição e foi publicado no seu blog http://wingsofnature.blogspot.com a 8 de Dezembro de 2006. Às vezes as coisas não precisam de ser explicadas nem analisadas. Às vezes as coisas simplesmente são. Deixo ao vosso critério este encantador poema... Caberá ao leitor dizer o que dele pensa.

Porque Sim

porque canta o rouxinol, em vão, melodias de amor?
porque se põe o sol num leito de mágoa?
porque dançam as dríades numa aura de magia?
porque pintas o céu de laivos de sangue?
porque te escondes nas brumas do tempo,
e ocultas o teu riso prateado?
porquê a lua se veste de luz e a noite de nudeza profunda?
porque lês poesia tão desprovida de sentido?
porque nao alcança a sereia as profundezas da alma?
porque segue a Bela caminhos imaginários
e o Monstro se transforma em príncipe?

Porque sim.

4 comments:

Sylphide said...

Obrigada pela honra de mostrar o meu poema.

Deixo aqui uma breve reflexao:
Nada está cientificamente completo, mesmo aquelas "verdades absolutas" necessárias.
Cada coisa tem o seu mistério e beleza.
Devemos manter algo com a sua aura pura, de forma a podermos observar, e afundarmo-nos nela.

Deixem-se levar por cada momento, sem o decompor em formas geométricas...


jinhos*

di said...

ora bem...eu ja tinha tido oportunidade de ler este belo poema, escrito por uma pessoa que apesar de não conhecer bem, acredito k seja mt especial...temos poetisa MESMO...axo k n lhe falta nada...alma,sensibilidade,uma escrita que cativa e fascina...

este poema e realmente mt bonito :)

de uma simplicidade cativante...
"porque sim"

muitas vezes teimamos em procurar respostas e encontrar explixcaçoes sem sucesso...
desde cedo me disseram que "porque sim" não e resposta a nada...e ate mesmo eu detestava kd fazia uma pergunta e me respondiam "porque sim"...mas a verdade é que tal como este poema nos mostra..."porque sim" pode ser resposta a um sem fim de questões.

porque sim: uma resposta tão simples mas ao mesmo tempo com um sentido do mais profundo e tremendo que ha

...

enfim...

um poema liiiiiiiiiiindo! :)

beijoka po notavel bloguista e para a a talentosa poetisa :)

beijoooooo***

plmota said...

Eu daria outra resposta a estas perguntas pertinentes:

porque não?

Mau feitio à parte gostei bastante do poema, os meus parabens a autora!
Quanto ao senhor que o optou por publicar no blog dele, naõ tenho nada a dizer! O senhor sabe qual é o seu mal!!!

;p

Gwen said...

Sem dúvida um poema lindissimo, como já é hábito da nossa querida Mariana :) Uma Princesa :)