Aeroporto Sá Carneiro em 11º lugar entre 150 de todo o mundo - JN

Imagem retirada daqui.

Aeroporto Sá Carneiro em 11º lugar entre 150 de todo o mundo - JN

Esta é a verdadeira razão de Lisboa precisar de um novo aeroporto... Esta era a verdadeira razão para a antiga localização do mesmo na Ota. Tal como se passou com a palhaçada do Red Bull Air Race, Lisboa contínua obcecada em competir com as outras cidades do país em vez de se preocupar em competir com as outras capitais Europeias. Mas compreende-se... Lisboa vive às custas do país e foi sempre incapaz de competir com as outras capitais desta Europa. Mesmo Madrid já há muito que deixou Lisboa para trás. Como não se consegue ser melhor lá fora evita-se, pelo menos, que, cá dentro, haja competição. 

Impede-se que o aeroporto de Faro seja uma verdadeira infraestrutura digna desse nome a nível internacional dinamizadora do turismo regional e tenta-se a todo o custo "destruir" o aeroporto do Porto para evitar competição com o de Lisboa. Provavelmente, já todos os governantes estão arrependidos de terem gasto a pipa de massa que gastaram a modernizar o Aeroporto Sá Carneiro...  

7 comments:

Martins said...

200% de acordo Elenáro.

A malta de Lisboa que até tem fama de ser muito de Esquerda até quer que duas equipas de futebol cá do Norte tenham que ir a Lisboa disputar uma taça num recinto que é um hino e um símbolo do Estado Novo.

Só falta irem para lá distribuírem cravos vermelhos a todos.

Em@ said...

são uns 'inbejosos', é o que são. medo de deixarem de ser o umbigo e passarem a ser paisagem.

Miguel Loureiro said...

No Norte, trabalha-se mais e por isso há mais desemprego...
Em Lisboa, os empregos são mais Executivos, por isso p desemprego não explode, enquanto não explodir a economia, pelo rastilho das Finanças...
No Norte, a A28 é das mais frequentadas (por trabalhadores, no mau sentido), está paga e taxa-se por passar nela, sem alternativa...
Em Lisboa, faz-se um TGV para os Executivos virem ao Porto ou irem Madrid, enquanto morre uma alforreca...

Quando nos vamos indignar com tannnnta "nenhuma" vergonha e agir como os espanhois de há poucas décadas, que até eles foram hipnotizados e domesticados???

Elenáro said...

Miguel Loureiro

Com uma possível excepção do TGV o resto não se compreende de facto.

No caso do TGV a história parece-me ser mais complicada, se bem que, de facto, dentro do país, só uns poucos poderão usar habitualmente este meio de transporte devido ao seu preço.

A tua última pergunta toca no ponto chave disto tudo: a falta de indignação ou, pelo menos, a falta das acções que dela decorrem.

Elenáro said...

Em@

Tens toda a razão... e olha que o umbigo deles é bem grande.

Pena tenho dos alfacinhas de gema que, sem culpa nenhuma, são apanhados no meio de tanto "migrante governativo" com sonhos de grandeza.

Elenáro said...

Martins

Se fosse só no futebol, estava tudo bem... Infelizmente, o futebol é apenas mais um reflexo do "Lisbocentrismo"...

Em@ said...

tens um selinho lá no Em@ :D
besito