Como disse?

 Imagem retirada daqui

Há coisas do diabo. Então não foi este senhor que aceitou vender a nossa pesca a espanhóis e franceses a troco de uns milhões para construir CCBs, IPs deficientes e auto-estradas? Quando lá esteve não teve oportunidade de defender e valorizar as pescas? Mas isto é um mea culpa ou simplesmente o homem está senil e não se lembra do que fez quando era PM?

Cavaco critica deficiente exploração económica do mar - Bolsa - DN

6 comments:

Miguel Loureiro said...

Elenáro
Também agendei esta notícia, que vai sair hoje, não pelo(s) mensageiro(s), porque há 2 ou 3, mas pela mensagem.
Realmente o mar é a nossa maior matéria prima, completamente abandonada e explorado por terceiros e nós temos que comprar peixe de fora, como aqui se diz, mas no super-mercado.
Esquece o passado e sublinha o futuro.

Anabela Magalhães said...

Matriz desta gente - Possuir memória curta...

Martins said...

olá Elenáro...

Elenáro said...

Miguel

Concordo que o importante é o futuro mas enquanto este estiver a ser construído pelos mesmo que no passado fizeram o actual presente, bem, não vale a pena. O passado para mim é importante para duas coisas: recordações (boas) e aprender para o futuro.

O problema é que, neste caso, o passado nem é uma boa recordação nem tem servido a esta gente para aprender.

Abraço.

Elenáro said...

Anabela

Remeto uma resposta para esse teu comentário para o meu comentário ao comentário (tanto comentário :P) do Miguel Loureiro.

Esta gente ou é muito esquecido ou então... tralala.

Elenáro said...

Olá Martins.